4h59



Madrugadas são folhas brancas, 

Que te pedem qualquer escrita. 



Algo encalacrado no peito ou 

Algo encarnado nos dedos. 



Madrugadas são folhas brancas pautadas, 

Esperando relatos de atos e fatos, vividos ou criados. 

Poemas, poesias, textos, canções.

6 responses to 4h59

  1. Exato. Madrugada pe momento de criar!

    Beijão

  2. fabio says:

    Prova de que a criatividade e beleza e inspiração também habitam a madrugada. Texto muito bonito :)

  3. Quando fico acordada de madrugada, quase sempre me pego escrevendo algo, não sei, mas a madrugada parece ter um poder de soltar minha inspiração e trazer palavras para escrever textos e mais textos.

    Enfim, ela te pede mesmo qualquer escrita.

    Beijos

  4. Jade Amorim says:

    Minha maior inspiração vem nas madrugadas, é com muuuita frquencia que eu to deitada, levanto correndo, ligo a luz, peno o meu caderninho de anotações e começo a escrever.

    Amei o poema, ficou lindo!

    Beijos.

  5. Nati says:

    Passa no meu blog tem coisa pra você lá. http://mundodenati.blogspot.com/2012/02/tag.html

    Bj

Postar um comentário